PASTORAL DA FAMÍLIA

PATRIARCADO DE LISBOA

RSS Feed Facebook Subscreva a nossa Newsletter Contacte-nos

Um mundo sem Deus?

Um mundo sem Deus?Ao lançar o Ano da Fé, Bento XVI desafiou os católicos a enfrentarem o avanço da "desertificação espiritual" que se espalhou pelo mundo, nas últimas décadas.

Qual seria o valor de uma vida, de um mundo sem Deus, já se podia perceber no tempo do Concílio a partir de algumas páginas trágicas da história, mas agora, infelizmente, vemo-lo todos os dias à nossa volta: é o vazio que se espalhou.

Continuar... Um mundo sem Deus?

Celebrar o Advento

Celebrar o AdventoHá uma semana atrás o Santo Padre na sua habitual audiência de quarta-feira, lançou-nos uma pergunta essencial: "Como podemos falar de Deus hoje?"

De facto, comunicar a fé não significa levar aos outros uma mensagem impessoal, mas trata-se de transmitir publicamente a experiência do encontro que cada um faz com Cristo, a começar na própria família. Entenda-se que a Família é um lugar privilegiado para falar de Deus, onde se deve procurar fazer entender que a fé é uma profunda alegria que transforma a nossa vida.

Continuar... Celebrar o Advento

Cristo-Rei

Cristo-ReiA Igreja celebra a solenidade de Jesus Cristo Rei do Universo fora do domínio de ordem temporal, mas no seu amplo e verdadeiro contexto litúrgico e teológico: Cristo é efectivamente Rei, mas numa ordem diferente da temporal, como Ele mesmo afirmou.

O princípio "hierárquico" da Igreja consiste no próprio Cristo, que nela age quando os ministros ordenados fazem ou concedem algo que por si mesmos não fariam ou concederiam: a celebração dos sacramentos e o inerente ensinamento da verdade de Deus.

Continuar... Cristo-Rei

"O amor que converte"

Amar a Deus sobre todas as coisas e amar o próximo como a si mesmo (cf. Dt 6, 5; Lv 19, 18)

No Antigo Testamento, muitos textos apresentam estas duas leis fundamentais, as quais são invocadas por Jesus Cristo, acrescentando que não veio revogar a Lei, mas veio completá-la. Para fundamentar esta sua posição, Jesus anuncia "Dou-vos um mandamento novo, que vos ameis uns aos outros como Eu vos amei" (Jo 13, 34).

Para Jesus, a Lei resume-se a uma atitude constante de amor em todas as circunstâncias, sendo que a ressurreição como atitude no cumprimento da Lei é o objetivo para a salvação.

Continuar... "O amor que converte"

"Sim, Creio"

Professar a fé é dizermos para cada um de nós e para o mundo que acreditamos em Deus. É dizer a Deus que acreditamos na Sua manifestação em três Pessoas: Pai, Filho e Espírito Santo. É dizer que fazemos parte da Igreja, Corpo de Cristo, que se alimenta e renova pela Palavra e pelos Sacramentos - sinais sagrados que têm significado e produzem efeito.

Hoje, mais do que nunca, é pedida uma catequese continuada, de carácter familiar, que se inicia logo que as crianças começam a ter conhecimento e aprendem, naturalmente, a expressão do amor. Uma catequese que crie raízes, começando pela visualização dos símbolos cristãos. Por isso, os pais são convidados a traçar o sinal da cruz na testa das crianças apresentadas ao batismo.

Continuar... "Sim, Creio"

"A paz esteja convosco" (Jo 20, 19.21)

Hoje vivemos um tempo de grandes cargas horárias: na profissão, nos transportes, nos horários escolares, nas atividades extracurriculares, etc. Também os mais velhos e debilitados em termos de saúde se ressentem desta "falta de tempo" e afirmam que a carga é pesada.

Um dos aspetos da missão de Jesus pode ser resumido na sua afirmação "Vim para que tenham vida e a tenham em abundância" (Jo 10, 10). A vida de que Jesus é portador é a vida de Deus: a alegria e a paz são componentes dessa mesma vida.

Continuar... "A paz esteja convosco"  (Jo 20, 19.21)

Vocação para a santidade

Vocação para a santidade No passado domingo do Bom Pastor (IV da Páscoa) terminou a Jornada Mundial de Oração pelas Vocações em que o Santo Padre Bento XVI pediu para rezarmos pela Igreja, por cada comunidade local, para que seja como um jardim regado, onde possam germinar e crescer todas as sementes de vocação que Deus semeia em abundância.

Há que aprofundar a consciência de que as famílias são o primeiro ambiente onde se "respira" o amor de Deus, que dá força interior para vencer as dificuldades do dia a dia. Quem vive em família a experiência do amor de Deus, recebe um dom inestimável, que dá fruto no seu tempo.

Continuar... Vocação para a santidade 

Celebrar a Páscoa

Celebrar a PáscoaDesde crianças, os filhos e netos devem ser educados para a escuta da Palavra, retomando em casa aquilo que se ouve na comunidade. O encontro com Jesus Ressuscitado, na compreensão da Sua Páscoa, deve alimentar-se na memória do Seu contacto com os homens, na narração do Evangelho, na realidade do pão repartido e do Corpo oferecido.

Jesus reconhece, vive e recomenda o significado do sábado judaico. Jesus cumpre o sentido do sábado, Ele, que é o Senhor do sábado, libertando o homem do mal. O Filho Unigénito de Deus fez-se homem, ensinou, morreu e ressuscitou, está vivo para nos receber e premiar. Ele fortalece-nos pela sua Palavra e conduz-nos à Verdade Plena.

Continuar... Celebrar a Páscoa

Próximos eventos