PASTORAL DA FAMÍLIA

PATRIARCADO DE LISBOA

RSS Feed Facebook Subscreva a nossa Newsletter Contacte-nos

NaProTechnology®

NaProTechnology®A Vida Humana ou Humanae Vitae é uma Carta Encíclica de 1968 sobre a Regulação da Natalidade, pela mão do Papa Paulo VI. Constitui a resposta da Igreja aos sérios desafios que o dever de transmitir a vida põe à consciência dos cônjuges. Por respeito à “conexão inseparável que Deus quis e que o homem não pode alterar por sua iniciativa, entre os dois significados do ato conjugal: o significado unitivo e o significado procriador”(Papa Paulo VI, Humanae Vitae, 12), tornam-se ilegítimos os atos propositadamente infecundos, nomeadamente através da contraceção, mas também os atos de procriação sem a união sexual dos cônjuges, por violarem o verdadeiro sentido do casamento e a dignidade humana. Por isso, na mesma Encíclica, o Papa Paulo VI lançou um repto aos homens de ciência, para "um contributo grande para o bem do matrimónio e da família e para a paz das consciências, se se esforçarem por esclarecer mais profundamente, com estudos convergentes, as diversas condições favoráveis a uma honesta regulação da procriação humana" (cf. Gaudium et Spes, 52).

Como resposta direta, surgiram vários métodos naturais de regulação da natalidade, como é o caso australiano do Método de Billings. Partindo deste, surgiu em 1980, The CREIGHTON MODEL FertilityCareTM System, que permite a apreciação da fertilidade, e a participação ativa do casal na monitorização e manutenção da saúde reprodutiva e ginecológica. Os casais ou mulheres solteiras aprendem a monitorizar e registar, de forma precisa e normalizada, os seus marcadores biológicos, que são importantes indicadores da saúde reprodutiva e global da mulher. A investigação e experiência clínica do Dr. Thomas Hilgers, ao longo de trinta anos de aplicação do sistema, conduziu à formalização de uma tecnologia científica dirigida aos casais inférteis, a Natural Procreative TECHNOLOGYTM (NaProTECHNOLOGYTM), com o objetivo de tratar as causas da infertilidade, que não é, em si mesma, um diagnóstico médico. Uma novidade particularmente importante é o tratamento de perturbações de saúde que podem ser causa de infertilidade antes mesmo do casal tentar conceber. É inclusive possível prever o risco aumentado de aborto espontâneo e intervir na sua prevenção. A NaProTECHNOLOGYTM atua de forma a restaurar a fertilidade do casal, intervindo também em casos de infertilidade por fator masculino.

Como tecnologia de procriação moralmente aceitável, promove a união entre o casal e pressupõe uma relação sexual completa, salvaguardando “plenamente a dignidade da procriação humana” (Donum Vitae, 7).

É importante salientar a sua versatilidade, mesmo em casos de Endometriose, Ovários poliquísticos, aderências pélvicas, bloqueio das trompas de Falópio, níveis baixos de progesterona, ausência de ovulação, infertilidade inexplicada, entre outros. Para além disto, tem impressionado a comunidade científica e civil com o seu sucesso em casais com aborto espontâneo recorrente, assim como em casos de múltiplas tentativas sem êxito de inseminação artificial ou Fertilização in Vitro (FIV). Os casais que, apesar de todos os esforços, não chegam à conceção e gravidez desejada, afirmam terminar o tratamento mais saudáveis e mais fortalecidos na sua união.

Share

Próximos eventos

06maio
Dom. maio 06, 2018
Dia da Mãe
14maio
Seg. maio 14, 2018
Semana da Vida
15maio
27maio
Dom. maio 27, 2018
Festa Diocesana da Família
31maio
Qui. maio 31, 2018
Dia dos irmãos